O Corpo Clínico

Marcar Consulta

Horários de atendimento

Psicologia Clínica

Dra. Manuela Figueiredo

Especialista em Psicologia Clínica e da Saúde pela Ordem dos Psicólogos Portugueses.


Membro Efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses.
Curso Avançado de Hiperatividade com Défice de Atenção (Avaliação e Intervenção) pelo Instituto CRIAP.


Curso Avançado de Dislexia (Avaliação Psicológica e Intervenção Reeducativa em Dificuldades de Aprendizagem Específicas) pelo Instituto CRIAP.


Curso Prático em Orientação Vocacional pelo Instituto CRIAP.
Curso Básico de Desenvolvimento: Desenvolvimento Normal e Sinais de Alarme, pelo Hospital Dona Estefânia – Unidade de Desenvolvimento.


Curso de Formação Profissional de Técnica de Rorschach (técnica de avaliação projetiva), pelo Departamento de Formação Permanente do ISPA-IU.


Formadora certificada pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional.


Mestre em Psicologia Clínica pelo ISPA-IU - Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da Vida.


Licenciada em Ciências Psicológicas pelo ISPA-IU.


Trabalhou como Psicóloga Clínica no Hospital Dona Estefânia (HDE), Clínica da Encarnação, Área de Pedopsiquiatria – Consultas de Avaliação Psicológica e Acompanhamento de crianças/jovens e pais, em articulação com equipa multidisciplinar. Participa nas reuniões clínicas mensais com a equipa de Psicólogos do HDE.


Trabalha como Psicóloga Clínica na Santa Casa da Misericórdia de Venda do Pinheiro (SCMVP), onde é Responsável pelo Serviço de Psicologia e Gabinete de Intervenção em Contexto de Crise. Desenvolve a sua atividade profissional com crianças, jovens e adultos. Realiza consultas de Avaliação Psicológica, Intervenção Reeducativa em Dificuldades de Aprendizagem Específicas, Estimulação Cognitiva, Treino de Competências Socioemocionais, Aconselhamento Parental, Acompanhamento Psicológico e Intervenção em Contexto de Crise.


Psicóloga Clínica na Clínica UDIJ desde junho de 2018.


Considera o “Milagre” da Vida um ato de Amor, independentemente da sua complexidade e forma de conceção. Assim, a Procriação Medicamente Assistida (PMA) é também uma área do seu interesse e que pôde aprofundar na sua Tese de Mestrado – “Da (In)fertilidade à Parentalidade após Recurso a Ovócitos de dadora: vivências de quatro casais Portugueses”.